Confeitarias & Padarias

Tem sido mais de 10.000 anos desde que a humanidade começou a cultivar grãos. Para começar, foi descoberto que o grão pode ser moído, misturado com água e comido como mingau. Mais tarde, as pessoas descobriram que este mingau poderia ser seco em pedras quentes. Foi a invenção do forno e a descoberta do efeito de fermento que finalmente fez do pão um alimento básico na dieta de muitos povos. Os egípcios cultivavam levedura para utilizar na panificação já em tempos antigos. Foi também no Egito que foram feitos novos desenvolvimentos de refino para o forno. Há cinco mil anos, mais de 30 tipos diferentes de pão já existiam no Egito. A arte da panificação, em seguida, encontrou o seu caminho para a Europa através da Grécia e do Império Romano.

Foi finalmente na Europa, que a maior variedade de tipos de pães foram desenvolvidas ao longo dos séculos. Produtos de panificação se dividem em três categorias gerais: pães, produtos de pão menores (como pretzels ou croissants) e doces (como biscoitos, bolos ou tortas). A diferença entre as categorias está na composição exata da massa a partir de ingredientes mais importantes, que geralmente incluem farinha, água ou leite, sal, açúcar, levedura, ovos, manteiga ou óleo e especiarias. Após a mistura dos ingredientes e permitindo a massa crescer, ela é cozida a temperaturas de cerca de 180° C a 250° C.

Doces são feitos em confeitaria ou pastelaria. Historicamente, algumas padarias lentamente começaram refinando suas massas de pão, adicionando ingredientes como mel, açúcar, especiarias, maçapão ou chocolate, para citar apenas alguns. Estes padeiros tornaram-se assim pasteleiros e assim começou a produção de bolos, tortas, sorvetes, frutas cristalizadas e todos os outros tipos de doces e guloseimas.

Nos estabelecimentos modernos e grandes padarias industriais, as Bombas Helicoidais de Cavidades Progressivas NEMO® provaram através de décadas de operação uma grande variedade de bombeamento de fluídos. Modelos especiais estão disponíveis para o transporte de chocolates e maçapão. Para o transporte de levedura sensível, é utilizada a bomba Higiênica NEMO®. Além das diversas massas e batedores, nossas bombas podem transportar gorduras, óleos, mel, maçapão, misturas de ovos, sucos de frutas, agentes aromatizantes, glicose, pastas de amêndoa, pastas de nozes, frutas, gelatina, recheios e muitos outros meios de comunicação. O tipo de bomba escolhida para utilização dependerá das propriedades do meio da respectiva fase do processo de produção. Nossos especialistas irão encontrar a solução perfeita.

Dados Técnicos

Dados Técnicos

NETZSCHBombas de Cavidades Progressivas NEMO®
MeioChocolate
Volume de Rendimento  25m³/h
Pressãomax 12 bar

Produtos

Produtos

NEMO® C.Pro

A Bomba Dosadora NEMO® C.Pro é uma bomba totalmente sintética para a dosificação precisa dos mais diversos produtos químicos nas áreas de tecnologia ambiental e na indústria química. Sua construção em plástico se faz ideal para o bombeamento suave e de baixa pulsação e para a dosificação de produtos químicos agressivos e não agressivos.

Bomba Helicoidal NEMO® BH Higiênica

A Bomba NEMO® Higiênica BH é utilizada para aplicações de higiene e limpeza, especialmente na indústria alimentícia, farmacêutica, cosmética e química/bioquímica. É ideal para estas aplicações devido à sua capacidade de transporte contínuo, com pressão estável, suave e de baixa pulsação, além da sua capacidade de dosificação proporcional à velocidade.

Bomba NEMO® BO/BS com Tolva em Contrução Modular e Acionamento Flangeado

A Bomba Helicoidal de Cavidades Progressivas NEMO® BO/BS com tolva quadrada/retangular, barra de acoplamento com rosca de alimentação e câmara de compressão é utilizada em todos os setores da indústria para o bombeio contínuo com pressão estável, suave e de baixa pulsação.

Bomba Helicoidal de Cavidades Progressivas NEMO® BF com Tolva e Rosca Alimentadora

A NEMO® BF é utilizada em todas as indústrias para o bombeio contínuo com pressão estável, suave, de baixa pulsação e dosificação proporcional a velocidade. É principalmente aplicada em meios muito viscosos, sólidos e granulados sem tendência a decantação.


Literatura

Literatura